segunda-feira, 6 de julho de 2009

Pinhal das Artes!


No final do Pinhal das Artes foi-nos pedido que escrevessemos todos algumas palavras sobre o que mais tinhamos gostado no fim de semana de partilha que tivemos... o Rafael tambem quis participar... fez o desenho do lumpy e do melman (elefante e girafa de peluche que o acompanha por todo o lado...) a balancarem na cama de balouço que os nossos queridos vizinhos instalaram mesmo ao pé da nossa tenda... muitas garalhadas o Rafael deu ali...


In the end of Pinhal das artes they asked us to all write a few words about what we most liked about our weekend... My son also wanted to participate. He drew lumpy and melman (his two favourite fluffs) swinging in this bed our dear neighbours put up right next to our tent... he had a great time laughing there...


Eu escrevi “A sensação de paz” que foi o que tive todo o tempo... as pessoas que não poupavam sorrisos, a genrosidade e empatia... a alegria... o gosto pelas crianças... a solidariedade... e tudo feito em regime de voluntariado, o almoço, as tendas temáticas.... a minha chamava-se tal como no ano passado “ABRAÇARTE”... aqui podem ver algumas imagens de pais e avós que não tem medo de tocar nos seus filhos de forma saudável... como o fazem outros povos mais ligados do que nós ao instinto...





havia muitas tendas, algumas contavam histórias, outras ensinavam músicas, a tocar um instrumento...

I wrote “the feeling of peace” which i had the whole time... people would not save up on smiles, generosity, empathy, joy, child loving... goodness... the whole fair was made in a voluntary regime, lunch, the theme tents...
my tent was called “abraçarte” which can mean: hugging you, or the arte of hugging)... i am glad to share with you some images of parents and grandparents who are not afraid of touching their children in a healthy way, just like in many tribes throughout the world who are more conected to instinct. There where many different tents, some told stories, some taught music...

o C comentou a certa altura que pareciamos estar a viver numa comunidade totalmente alternativa, e estavamos. MESMO. No final abraços, mais canções... e a partilha... e a despedida, que custa sempre...

C said that it seemed like we were living in some completley alternative comunity, and we were – REALLY!. In the end, hugs, more songs, sharing thoughts, and sayig goodbye, the hard part...

Até para o ano... se não me convidarem novamente, vou à mesma!

See you next year... if they don't invite me, i will go anyway!

6 comentários:

Paola disse...

Para o ano também quero ir!

Sophie disse...

Ainda bem que gostaste... Eu também quero ir para o ano!!!
Beijinhos :-)

Tania disse...

Well. What a FANTASTIC way to spend a weekend!

Noémia disse...

Ainda bem que não choveu e te sentiste tão bem!
Resta sempre a esperança de que para o ano há mais!:)

Leigh disse...

I have missed you sooooo much! I have thought about you often, and I am a horrible blogfriend! I will make it up to you!

Please feel me in on what you have been up to! I have been reading your blog, love the new look!

Your son is as creative as you!

Love you!!!!

alexa disse...

Olá Zélia! Esta é a primeira vez que deixo um comentário mas tenho seguido atentamente o teu blog. Acho linda esta iniciativa do Pinhal das Artes e o teu trabalho como doula. Ainda não sou mamã mas já sou apaixonada por este mundo! Muitos parabéns!