quarta-feira, 16 de março de 2011

Aproveita agora?

das piores coisas que me podem dizer agora que estou grávida, é: Aproveita agora para fazer, que depois....
sempre como se a maternidade fosse um fim e não um RE-começo!!!
Eu já tive um filho, não foi isso que me deixou parada sentada no sofá a pasmar....
O que as pessoas que não gostam de fazer crafts ou qualquer outra coisa do género é que... quando temos dentro de nós a vontade, as mãos não conseguem parar.... porque faz parte da pessoa que somos criar....
Eu sei, não sou uma iludida, que dois filhos são dois filhos... que o tempo não será tanto... mas eles dormem, e brincam... e tem a sua vida... tal como eu tenho a minha!
E o tempo, bem, é mentira que não estica!
one of the worst things someone could say to me now that i'm pregnant is:
do it now, becase when she's born....
always as if motherhood was an end to something, and not a re-starting!!!
I have a son, and that didn't stop me or keep me sitting on my couch gazing...
what people who don't like making thigs can't understand, is that when you love creating, your hand can't stand still..
I know that two children are two children... i won't have as much time...
but they sleep and play,,, have their own lives... as i have my own...
and time... well, it's a lie that it doesn't strech!

estes são os tecidos que vão fazer parte da mantinha da minha filha... ontem á noite, quando o meu filho dormia, cortei-os...
o das bolinhas, está torto... ou seja, as bolas não ficaram alinhadas...
estou ainda a pensar se compro mais ou se me "esqueço" que não está perfeito!!!!
these are the fabrics that will make my daughters quilt... yesterday night while my son slept, i cut them...
the dot fabric turned out not so so good... the dots aren't alined...
i am still thinking if i buy more or just "forget" it's this way!

12 comentários:

Mamã Martinho disse...

Pois eu na gravidez "enjoei" os crafts! Muito pouco fiz grávida, mas depois dele nascer foi só dar ao dedo!

Bjs

Mónica

aniki bobo disse...

ÒH Zélia!!como te compreendo!!!e o mais engraçado é que no meu caso (e penso que será no teu também!!)quanto mais a vida quotidiana exige de nós ...mais necessidade temos dos nossos momentos...dos quais o" trabalho de mãos"..(adoro esta expressão..que toda a vida ouvi !!)é imprescindível para a saúde mental!!
...vai daí que foi precisamente com a minha terceira maternidade que que mais peças executei !!!

Bárbara disse...

É verdade que dois são dois, bla bla bla, dão mais trabalho, nos ficamos mais cansadas etc etc. Mas....nós continuamos a existir e a fazer as nossas coisinhas. às vezes num outro ritmo, mas isso é uma questão de adaptação:)

Quanto ao tecido, não compres mais, esse está perfeito,porque foi cortado com Amor, e com Amor será costurado!!

Aproveita bem a barriga, isso sim!!! :)

Marta disse...

Esquece que está torto... lembras-te do que disseste no outro dia a propósito da perfeição das coisas imperfeitas?? :) tem mais piada assim... real ;) a perfeição é apenas uma ilusão e tenho a certeza que a Alice vai adorar as bolinhas desalinhadas da sua mantinha :))

Chuva disse...

"Esquece-te" ;O)
E aproveita: agora e depois *****

Costinhas disse...

depois de te habituares às novas rotinas vais ver que vais conseguir a proeza de esticar o tempo.

porque fazes com gosto, com vontade e isso é tudo o que faz falta para se encontrar o tempo que parece não existir :)

(pelo menos é isso que eu sinto)


quanto à tira das bolinhas, não a podes por mais estreita e endireitares-a assim? Fazias umas tiras mais estreitas por exemplo para tornar o defeito e feitio :p (desculpa se a ideia for muito parva, porque não estou a ver o projecto no seu global e pode não ter lógica nenhuma, mas pronto)

isabel f. disse...

esquece que não está direito!!!!
fica giro assim, no fim nem se nota :))))
bjs e felicidades Z :))<3

miosotiis disse...

Ouço o mesmo, não em relação aos filhos, mas a outras situações.

Estou sempre a ouvir que tenho alunos bons e por isso é que as minhas aulas correm bem. Ou seja, que se lixe o meu trabalho: tanto faz. Aliás, quase nem preciso de lá estar...

Também ouço que consigo fazer refeições diferentes, costurar ou "acrescentar-me", porque trabalho em casa, como se o facto de trabalhar em casa, por si só, não implicasse tempo.

Enfim...na verdade, já quase não ouço quando me falam assim... ;D

rosário albuquerque disse...

aproveita agora e aproveita depois! mas aproveita :)
ah
e esquece a direcção das bolinhas, estão muito bem assim.

raining sheep disse...

I loved being pregnant and two children are busy but I still used to sew, knit and bake lots of bread :) I hope you are feeling good and are not too tired.

Virgínia disse...

os outros têm sempre algo a dizer da vida alheia... Tu sabes muito bem o que estás a fazer, continua!
O trabalhar à mão vicia, eu já não consigo ter as mãos paradas, fico ansiosa! E tanta coisa bonita que há por fazer!

Tenho aprendido (ou tento aprender) que o perfeito é inimigo do bom. Assim, as bolinhas têm uma história a contar. Que história teriam se estivessem todas alinhadas? :)

um abraço e até breve*

MJL disse...

Foi com 2 filhos que comecei a fazer as minhas coisas, não antes :)

Esqueçe que não está perfeito... assim é mais belo