quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Os blogs são só cantos....


É uma janela, a internet. Não, muitas. Eu abro a minha e o vizinho da frente só abre a dele para eu espreitar, se quiser....

Os blogs. Casas. Da janela, só vemos uma parte. A parte que que o dono da casa quer mostrar, e nas sombras, algumas coisas que se adivinham.
Não abro a minha janela para irritar ninguém. Não ganho quase dinheiro nenhum a vender as coisas que faço... e ponho no meu blog... e também não tenho um blog porque "acho que tenha alguma coisa a ensinar, ou dizer..." (mesmo que ache que todos nós temos coisas para dizer e ensinar....); ou sequer porque "não tenho mais nada que fazer!"... que é uma ideia engraçada que as pessoas tem, pensando que eu não tenho um trabalho a tempo inteiro, e que faço isto ou aquilo só para passar o tempo....

As pessoas que menos gostam de blogs, ou das pessoas que tem blogs, parecem ser as que mais gostam de "espreitar"... e dar aquela sensação de "big brother is watching you"... fazendo depois a pergunta fatal do: Mas porque que raio tens tu um blog!?!?

Se eu fosse uma "casa" como gosta a V de citar o Mia Couto ("a mulher é a casa"), o meu blog seria só uma parte de mim, um canto, como os cantos das casas... e como este canto que vos mostro na foto, não importa se junto ás laranjas tenho frascos de botões... Não importa porque se acharem bem ou mal, vai continuar a ser assim... porque eu gosto assim....

e porque raio tenho eu um blog???

tenho um blog porque quero...

Tu vens aqui porque queres.... ou porque raio vens aqui??? E tu, porque raio tens um blog???? Ou porque raio NÃO TENS????

It's just a window, the internet. No, many wondows. I open mine and my front door neighbour only opens his for me to peep, if he wants to....
blogs. Homes. From the window, we only see a part. The part the housekeeper wants to show, and in the shadows, some things you can guess.

I don't open my wondow to annoy anyone. I don't earn (almost any) money selling the stuff i make... and put out in my blog, and i don't have a blog because i "think i have something to teach or say..." (even if i think everyone has something to say or teach....); and i don't have one beacause "i have nothing else better to do!"... which is a funny idea that some people have about people with blogs, thinking i don't have a full time job, and that i do this or that just to spend my time....

People who dislike blogs or people with blogs are sometimes the people who most come to peep... and give us the sensation "big brother is watching you"... asking the fatal question: But why the hell do you have a blog anyway?
If i was a "home" like V likes to quote Mia Couto "a woman is a home" my blog would/is only a part of me, a corner, like corners in homes... and like this corner i show you in the photo, it doesn't really matter if i put my oranges next to my jars of buttons... Because if you think it's not right, i won't change it, because i like it that way....

and why on earth do i have a blog???

i have one, because i want to...

you come here because you want to... or why the hell do you come here???

and you, why the hell do you have a blog???? Why the hell don't you????

13 comentários:

Libelinha☆ disse...

Gostei do texto!...
E sim, tenho dois blogues... Porquê?... Um posso considerar a minha loja online... O outro mostro um pouco de mim... Os medos, as tristezas... O consumismo... As minhas "parvoíces" como ás vezes lhes chamo!... Só porque quero e gosto =)

Beijinhos ;P

Libelinha☆ disse...

=)

Ana V. disse...

Como eu gostaria de ter escrito isto!

1 bjo

Chuva disse...

És bestial!
Blog, eu?
Tive um que terminou e está fechado, outro que durou até engravidar e durante a gravidez e um que criei há cerca de 1 ou 2 anos, mas que não tenho regado e... está a murchar.
O teu? Adoro-o, por isso aqui venho*****

Sandra de Sá disse...

Tenho um blog porque quero, porque faz parte de mim, porque sinto necessidade de o ter. Já fui censurada por coisas que escrevi e mais recentemente por "expôr" ao mundo a minha gravidez. Sinto que tal como tu só abri uma janela e só deixei que fosse visto aquilo que eu queria que fosse visto.
O meu blog faz parte de mim e dos retalhos da minha memória, daí o nome Retalhos da Memória. Adorei as tuas palavras, cheias de sabedoria, sinto-as transcritas com alma e dedicação como tudo o que fazes! Beijinhos e continua a abrir as tuas janelas, mesmo que mostres combinações tão bonitas como laranjas e botões ;)

raining sheep disse...

Yup, all so true. I certainly have a job, heck I barely have time to blog, but I love blogging. It's the only time I get to write whatever I want :) and no one changes it. At work I write and men change what I write all the time.

Sophie disse...

Eu tenho tido vários blogs ao longo da minha vida... Seguiram o rumo dos diários que tinha em adolescente... Primeiro actualizava-os frequentemente, depois esquecia-me, desinteressava-me... Porque é que os tinha? Sei lá. Porque me apetecia. :-) Neste momento estão todos meio moribundos, coitados. :-D Mas adoro ler blogs especiais, e o teu é um deles! Não interessa as razões, se existem ou se é só "porque sim", mas o cantinho que mostras de ti é muito bonito e dá gosto de ler.

JoanaRSSousa disse...

eu adoro blogs
não porque gosto especialmente de espreitar na casa dos outros, mas porque acho que é uma forma de partilha
e eu gosto de partilhar. de dar e receber

tenho vários blogs, confesso. cada um é um cantinho.
e a soma de todos não é igual ao todo que eu sou.
eu sou maior do que a soma das minhas partes. e isso não cabe num ou mais blogs

aniki bobo disse...

..está "demais " este texto!!!!
Tenho um blog....recém nascido (ainda não fez um ano!)...o seu rumo ainda é incerto,e comparo-o exactamente a uma criança da sua mesma idade..!!!!....já anda,mas ainda não corre!!
Retomei com ele,o prazer da escrita que tanto me "ajudou" na adolescência......mas o tempo passou ....e agora tudo é diferente!!!!...e o"tempo" já não sobra ,como uma vez!!...e estou muito lenta a transformar pensamentos em palavras !!!
Enfim!!!não vou desistir "dele"...nem pensar!!!!mas este meu filho...está mesmo a precisar de mais atenção!

beijinhos!

Farratrapos disse...

Adoro a tua mensagem. Revejo-me nas tuas palavras repletas de significado para mim e pelos vistos para muitas pessoas.
Eu nem sei muito bem gerir o meu blog: ponho para lá fotos, que nem sequer são bem tiradas, escrevo pouca coisa para não aborrecer muito quem lá vai (e, os poucos que são seguidores, são amigos)e nem sequer tenho muito tempo para me dedicar a ele...mas não faz mal...é meu...quanto aos blogues dos outros, gosto de ver que afinal não estou sozinha no mundo e que existem muitas pessoas como eu e que apesar de gostar de cerveja, de noitadas, de futebol e de ser muito vista pelos outros de "maria-rapaz", sou mãe, esposa, mulher, gosto de decoração, gosto de embelezar o meu lar e a minha filha e as minhas roupas(...) com aquilo que costumo chamar de piteirices, basicamente feitas por mim. Bem hajas Zélia, bem hajam vocês todas e obrigada por partilharem as vossas experiências :)

Noémia disse...

Eu tenho um blogue porque sim!
Gosto muito dele.
E ainda bem que tens a tua janela aberta para eu vir espreitar porque gosto muito da tua "casa".
Atenção que não visito muita gente nem gosto de "espreitar" por todas as "janelas".
Ainda bem que tens um blogue!
;)

SofiAlgarvia disse...

Há muito tempo que não vinha "cá a casa", mas hoje soube-me bem... li as palavras que não escrevi, mas que penso nelas tantas e tantas vezes.
Tenho um blog, sim. Porque gosto de escrever, porque gosto de conhecer outros/as, de socializar, ainda que possa ser apenas de forma virtual, de partilhar pensamentos e modos de vida. Porque posso utilizá-lo como meio de expor os meus trabalhos e passar a palavra a futuros compradores (embora ainda não tenha explorado muito esta vertente).
Mas às vezes penso, porque raio tenho eu o blog? Passo o dia no trabalho, à noite as fotografias não têm graça, não levo a máquina para tirar fotos ao meus percursos, porque é grande e pesada... Será que alguém o lê?!
Quero lá saber!
Desde que eu o escreva, ele existe!
E ainda bem que o teu existe :)

disse...

Eu tenho um blog :) nasceu este ano...para mostrar ao "mundo" o que faço e o que gosto...é só mais um blog de uma mãe que faz coisas (e pouco ganha com elas é verdade)e que gosta de outras tantas coisas e que criou um espaço onde partilha isso tudo e mais alguma coisa...nem que seja só para eu ver de vez enquando...é onde tenho tudo orgnizado ...O seu espreito sempre tem cor e alma e inspira***